Dicas para acabar com a insonia

Assim como a narcolepsia e a clinomania, a insônia é um distúrbio do sono e atrapalha as noites de milhares de pessoas. A doença pode causar consequências graves no dia a dia e levar ao surgimento de outros problemas, como a ansiedade.

Apesar dos transtornos causados pela insônia, é possível combater o problema com algumas dicas simples.

Dicas simples para acabar com a insonia

Praticar atividades para relaxar e ter uma boa noite de sono pode ser muito eficiente, então procure fazer yoga ou uma meditação rápida durante o seu dia para ficar mais tranquilo e dormir bem.

O sono também pode deixar de vir se você já estiver indo para a cama descansado. Quando praticamos exercícios durante o dia ou trabalhamos bastante, geralmente quando chegamos na hora de dormir é muito mais fácil, a não ser que você goste de tirar aqueles cochilos longos, que podem atrapalhar na hora de dormir. Isso porque, se você dormir demais na hora errada, quando chegar a hora realmente de dormir você já estará descansada.

Esse tipo de atividade relaxante ajuda a esvaziar a mente e te prepara para o sono, além de amenizar naturalmente a ansiedade. Caso você prefira, uma massagem bem relaxante também pode ser uma boa aliada contra a insônia.

Se você continuar sem sono, evite pensamentos e gestos que gerem mais ansiedade, como ficar na cama se revirando ou assistir TV. Tentar “aproveitar o tempo” para trabalhar ou pensar nos problemas do dia seguinte também não vai ajudar em nada.

O ideal é tentar se desligar e esvaziar a mente, então tente ler um livro ou ouvir uma música que te ajude a relaxar. Em último caso, tente tomar um bom banho e pense em lugares calmos onde você gostaria de estar, treinando a sua mente para se livrar do estresse.

Se nenhuma dessas dicas funcionarem, talvez seja necessário procurar a ajuda de um psiquiatra para resolver o problema de uma vez por todas. Lembre-se que só ele pode te prescrever medicamentos e que a automedicação pode agravar o problema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *